QUAL A MELHOR AERONAVE PARA INSTRUÇÃO PRIMÁRIA

terça-feira, 8 de março de 2011

LABACE 2011 ACONTECE DE 8 A 13 DE AGOSTO E DEVE APRESENTAR CRESCIMENTO DE 20%


A Labace 2011 (Latin American Business Aviation Conference and Exhibition) já tem data e local para acontecer. Mais uma vez será realizada em São Paulo, entre os dias 8 a 13 de agosto. Uma das novidades este ano é que serão três dias de exposição, 11, 12 e 13, e os demais dias serão dedicados às conferências, antes realizadas em paralelo. A Labace chega à oitava edição já é a segunda maior feira do mundo no segmento de aviação executiva.

A expectativa da organizadora do evento, a ABAG (Associação Brasileira de Aviação Geral), é registrar um crescimento da ordem de 20% no faturamento da feira. Várias empresas já fecharam contrato e garantiram seus espaços, entre elas Air Lounge, Blue Sky, Cisa Trading, Comexport, National Freight e Ser Trading. Nos próximos dias, outras empresas devem assinar contrato.

Para os organizadores, em 2011 a área de exposições será alterada para garantir um melhor aproveitamento do espaço. Com isso, o número de expositores deve passar de 150, registrado no ano passado, para 170. O número de aeronaves expostas também será um pouco maior, 60, contra 56 em 2010. Em relação ao público presente, a aposta é de um acréscimo, de 14.800 para 16 mil. O mesmo acontecerá com o volume de negócios gerado, cuja expectativa é de alta de 10%, chegando a 550 milhões de dólares.


FONTE: ABAG

quinta-feira, 3 de março de 2011

NOTÍCIAS - PORTADORA DE NECESSIDADES ESPECIAIS TEM PROBLEMAS PARA DESEMBARCAR DE AVIÃO EM GUARULHOS


A deputada federal Mara Gabrilli (PSDB-SP), portadora de tetraplegia, afirma ter esperado duas horas para conseguir desembarcar no Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, na noite desta quarta-feira (2). Segundo a assessoria de imprensa da deputada, ao chegar de Brasília em um avião da TAM, por volta das 21 horas, ela ficou dentro da aeronave à espera de um ambulift - veículo motorizado, com elevador, que transporta passageiros com deficiência em locomoção.

Procurada pelo G1, a assessoria de imprensa da TAM informou que estava apurando o que ocorreu e até as 8h50 desta quinta-feira (3) não havia dado retorno sobre o caso.

Segundo a deputada, que faz uso de uma cadeira de rodas, além da falta do equipamento, a aeronave não parou junto ao finger - túnel que leva os passageiros diretamente do avião ao terminal. "Queriam me carregar pelas escadas do avião, escorregadias, debaixo de muita chuva. Não aceitei e disse que não sairia do avião enquanto não houvesse segurança", disse a deputada.

Ainda, segundo Mara, teria ocorrido inclusive "pressão psicológica" para que ela descesse carregada. "Afirmaram que poderia levar mais de três horas até que um ambulift chegasse ao local, mas insisti que não desceria carregada", conta.

Para Mara Gabrilli, a situação atual é de total descaso com os passageiros que possuem deficiência. "Apenas o aeroporto de Brasília recebe 30 passageiros cadeirantes todas as noites. Segundo me contaram, a TAM desembarca, em média, seis cadeirantes por noite só em Guarulhos e estava com o ambulift quebrado há um mês e meio.


FONTE: PORTAL G1

quarta-feira, 2 de março de 2011

TRIP COMPRA MAIS 4 JATOS EMBRAER 190


A Embraer anunciou hoje, dia 1º de março, a assinatura de novo contrato com a TRIP Linhas Aéreas para a venda de quatro jatos Embraer 190. Com este pedido, o total de E-Jets contratados pela empresa aérea chega a 24, considerando aeronaves adquiridas diretamente da Embraer ou por meio de empresas de leasing. Somente este ano, a TRIP receberá nove Embraer 190, duplicando a frota de E-Jets.
O valor do novo negócio, referido a preço de lista, é de US$ 172 milhões, com base em condições econômicas de janeiro de 2011. Das quatro aeronaves uma já constava na carteira de pedidos firmes da Embraer, do quarto trimestre de 2010, como cliente não-divulgado.

“A Embraer tem orgulho em apoiar e participar do impressionante crescimento da TRIP, uma empresa que tem mostrado grande solidez e um plano de negócios admiráveis”, disse Paulo César de Souza e Silva, vice-presidente executivo da Embraer para o mercado de aviação comercial. “A estratégia da TRIP está apoiada na complementaridade dos modelos Embraer 175 e Embraer 190 mostrando a versatilidade, economia e desempenho da família de E-Jets.

”Os jatos Embraer 190 da TRIP serão configurados em classe única, com capacidade para 110 passageiros. Com estas aeronaves, a TRIP visa ampliar ainda mais os destinos atendidos no Brasil, aproveitando o bom momento do mercado brasileiro que deverá dobrar de tamanho nos próximos 5 anos. A TRIP opera atualmente nove jatos Embraer 175, configurados em classe única com 86 assentos.“Consideramos os E-Jets da Embraer ideais para suportar nosso crescimento contínuo e sustentável. A TRIP já possui a maior frota regional da América do Sul e a aquisição destas novas aeronaves possibilitará o incremento na ligação entre nossos hubs regionais, bem como a expansão de rotas entre cidades com média densidade de tráfego”, completou José Mário Caprioli, presidente da TRIP.


NOTÍCIAS: AZUL COMEÇOU A OPERAR COM O ATR 72-200


Hoje, dia 1º de março, a Azul Linhas Aéreas Brasileiras escreveu uma nova página na sua história e da aviação brasileira, com o início das operações dos turboélices ATR 72-200. São José do Rio Preto e Ribeirão Preto, em São Paulo, são as primeiras cidades a serem atendidas pelos dois novos aviões, prefixos PR-AZR e PR-AZS, com voos diários a partir de Campinas.
Em comemoração a essa nova fase da Azul, todos os clientes que voarem entre hoje e o dia 6 de março nas novas rotas, ganharão um voucher de R$ 50,00 para utilizarem em suas próximas viagens.

Para oficializar a aberturas das novas bases, eventos nas cidades de Ribeirão Preto e São José do Rio Preto serão realizados nos dias 2 e 3 de março. A sociedade local e autoridades serão recepcionados por Pedro Janot, presidente da Azul, e diretores da companhia.

O plano de expansão da empresa prevê a chegada em mais de 20 cidades neste ano, totalizando aproximadamente 50 destinos. A estratégia da Azul é ligar cidades do interior às principais capitais do País com voos curtos, tarifas acessíveis e com diversas frequências por dia por meio dessas aeronaves.


FONTE: ASSESSORIA DE IMPRENSA DA AZUL