QUAL A MELHOR AERONAVE PARA INSTRUÇÃO PRIMÁRIA

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

ANAC PROPÕE AUTORIZAR PILOTOS MILITARES A PILOTAR AERONAVES CIVIS NAS COMPANHIAS AÉREAS

Hoje estava trabalhando, quando recebi um e-mail do Portal Piloto Comercial. O texto que estou disponibilizando a seguir é um completo absurdo, por parte da ANAC e espero que nós (os mais afetados com essa mudança) tomemos as devidas providências para que isso não ocorra.
Imediatamente eu preenchi o formulário e enviei para a ANAC. Façamos todos o mesmo para que possamos impedir isso a tempo.
Texto extraído do Portal Piloto Comercial:
A ANAC está propondo uma alteração no RBHA 121 que rege as regras para operação de empresa de transporte aéreo público regular (TAM, GOL, etc).A nova proposta autoriza pilotos da força aérea a operarem aeronaves civis como pilotos, desde que façam o programa de treinamento e sejam autorizados pela empresa e pelo comandante!Se isso for aprovado corre-se o risco das empresas darem preferência aos militares, deixando centenas de pilotos que estão lutando para o tão sonhado PLA fora da conquista do emprego.
A QUESTÃO QUE NÃO QUER CALAR:
Se o emprego for de um militar, quem deverá pagar o salário? A FAB? Com isso, a empresa aérea vai reduzir o custo de sua folha de pagamento, tornando o negócio muito interessante!outra parte do texto:Estar coberto por um contrato, ou outras avenças, celebrado entre o detentor do certificado de empresa de transporte aéreo operador da aeronave e a respectiva Força Armada ou o outro detentor de certificado de empresa de transporte aéreo, conforme o caso, o qual deverá incluir cláusulas de seguro e responsabilidade civil.
O arquivo em WORD pode ser baixado em clicando aqui
Preencha e envie para grsso@anac.gov.br ATÉ 24 DE FEVEREIRO!!
Abaixo segue também a minha justificativa enviada para a ANAC":
"É preciso lembrar que essa Agência é para defender os direitos da Aviação Civil e de todos que ela integram e não beneficiar os Pilotos Militares, prejudicando assim os milhares de alunos de escolas de aeronáutica cívil, bem como os aeroclubes, que irão se submeter a uma concorrência completamente desleal no mercado de trabalho composto por pilotos que conseguem suas licenças come recursos públicos.
A comunidade aeronáutica civil, com certeza não pode sofrer um impacto desse tamanho em sua formação profissional, já que ficará lógico que uma empresa de linha aérea irá optar por um piloto já experiente, com formação em aeronaves a hélice e a jato e pronto para ingressar no mercado de trabalho."

Nenhum comentário: