QUAL A MELHOR AERONAVE PARA INSTRUÇÃO PRIMÁRIA

sexta-feira, 28 de maio de 2010

MATÉRIA (POST) PÚBLICADA NO BLOG E-TURISMO SOBRE COBRANÇA ABUSIVA DE ESTACIONAMENTO PARA FUNCIONÁRIOS DO AEROPORTO, POR PARTE DA INFRAERO

INFRAERO COBRA R$ 75 MENSAIS DE FUNCIONÁRIOS PELO ESTACIONAMENTO

Antes eram R$ 20 reais por mês. Passou para R$ 30. Agora custa R$ 75 mensais para os funcionários que trabalham no aeroporto Augusto Severo estacionarem o carro.
Como os colaboradores de companhias aéreas, locadoras de automóveis e lojas consideraram absurdo o aumento, passaram a estacionar perto do terminal de cargas, onde não há cobrança.
Aí a Infraero agiu rápido: mandou uma circular informando que a partir do próximo dia 24 vai multar os carros estacionados na área do terminal de cargas.
A reclamação é geral entre os funcionários. Quase a metade das pessoas que trabalham no Augusto Severo utiliza o carro para chegar ao aeroporto.
É o Brasil de hoje, onde muita gente conseguiu comprar carro. E consegue arcar com a manutenção do veículo.
Mas a Infraero, uma rede de shopping-centers com pista de pouso, não segue os passos do Brasil de hoje.
O importante para a Infraero não é atender bem o passageiro ou se sensibilizar ante as necessidades dos prestadores de serviço no aeroporto.
Para a Infraero, o importante é faturar. O aluguel de seus espaços comerciais é tão absurdo quanto os R$ 75 cobrados mensalmente para os funcionários estacionarem no Augusto Severo.

RESPOSTA DA INFRAERO

Prezado jornalista Antonio Roberto,
Com relação à matéria (post neste blog) publicada ontem, sob o título ” Infraero cobra R$ 75 mensais de funcionários pelo estacionamento”, a Superintendência do Aeroporto Internacional Augusto Severo/Natal esclarece:
O valor cobrado aos empregados das diversas empresas que operam no terminal de passageiros é o preço médio praticado pelo mercado local e, ao contrário de outros estacionamentos, não acumula valores extras por período de utilização.
Outro equívoco é relacionar a prestação do serviço de estacionamento aos aluguéis pagos pelos espaços comerciais, já que a concessão de uso de área é feita através de licitação pública, onde cada interessado é quem determina o valor que está disposto a pagar.
Com relação ao estacionamento irregular junto ao terminal de carga aérea, a administração aeroportuária agiu proativamente para evitar que o uso irregular acarretasse multas pelo órgão de fiscalização, já que o local está destinado exclusivamente ao estacionamento de veículos de cargas e clientes daquele importante segmento.
A Infraero através de carta formal, apenas comunicou à comunidade aeroportuária a decisão daquele órgão, citando, inclusive o prazo de tolerância informado por aquela Secretaria, com o intuito de evitar oprejuízo para os motoristas inadvertidos.
Aproveitamos a oportunidade para reiterar nossa disposição e interesse de esclarecer qualquer dúvida através do telefone 3087-1201.
Ademais ratificamos nosso compromisso com a satisfação dos nossos clientes, inclusive a imprensa.
Grato pela atenção.

Atenciosamente

Usiel Paulo Vieira
Superintendente da Infraero no RN

Nenhum comentário: